Categorias
Tutoriales

Formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Si usted es fotógrafo de retratos y moda gran porcentaje de su trabajo se hace en un estudio, y por muchas veces se puede limitar al tamaño de su espacio, y luego entrar en lo que conocemos como fondo infinito, que a menudo son sosos , tedioso y no añadir nada a la obra.

Ai entrar en el día a día travieso de un estudio de fotografía, y usted comienza a buscar formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Creatividad con papel. Puedes quedarte todo el día grabando con un fondo blanco, negro o cualquier otro color al final del día te aburrirás así que por qué no usar el fondo como elemento de información en tus fotografías.

Añadir texturas a su fondo, cortarlo en rodajas verticales y colgarlo, el hecho de que viene en rollos crear una espiral natural en cada rebanada que se corta, creando texturas muy agradables para su fondo.

Formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Todo lo que necesita es papel para el fondo, en el color que elija, un buen soporte para este papel, stiletto o tijeras y grapas.

Formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Cuelgue un poco el rollo de papel y vaya a cortar verticalmente, creando rodajas.

Formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Al final tendrás algo más o menos igual que la foto de arriba, recuerda dejar las espirales en un momento que pueda salir en tus fotos.

Puede crear diferentes versiones de corte vertical al igual que el uso de otros colores de fondo. Usted se sorprenderá por los resultados!

Utilice y abusar de su imaginación y ver que vale la pena cada segundo perdido papel de corte!

Ahora lente de esa tela, papel, fondo lo perdió en la parte inferior del estudio?.

Podría ser de gran valor si sabe cómo usarlo.

Formas creativas de trabajar con el fondo de las fotos

Colóquelo en un nuevo papel para crear texturas en su fondo más aleatoriamente, tiene un efecto muy interesante si se aplica con creatividad.

Utilice una iluminación de color diferente en el fondo para crear un entorno más espacial.

Y muchas veces te entristeces cuando tu fondo empieza a rasgarse bien, bueno no te quedes, ¡usa esto a tu favor!

Y también puede sobra rasgado de tu fondo a propósito, para crear una especie de marco para el sujeto que estás fotografiando.

Aquí lo que vale es utilizar la cabeza y enviar bien en las fotos, si usted no se compadece de sus papeles de fondo ahora sólo enviar bala!

Categorias
Photography Tips Tutorials

Creative ways to work with the photo backgrounds

If you are portrait photographer and fashion large percentage of your work is done in a studio, and for many times you can get limited to the size of your space, and then enter what we know as infinite background, which are often bland , tedious and add nothing to the work.

Ai enter the naughty day to day of a photography studio, and you start looking for creative ways to work with the background of the photos

Creative ways to work with the photo backgrounds

Creativity with paper. You can stay all day shooting with a white, black or any other color background at the end of the day you will be bored so why not use the background as an information element in your photographs.

Add textures to your background, cut it into vertical slices and hang it, the fact that it comes in rolls create a natural spiral in each slice that is cut, creating very nice textures for your background.

Creative ways to work with the background of photos

All you will need is paper for background, in the color you choose, a good stand for this paper, stiletto or scissors and staples.

Creative ways to work with the background of photos

Hang your roll of paper unroll a little and go cutting vertically, creating slices.

Creative ways to work with the background of photos

In the end you will have something more or less the same as the photo above, remember to leave the spirals at a time that may come out in your photos.

You can create different vertical cut version just like using other background colors. You will be amazed by the results!

Use and abuse your imagination and see that it is worth every second lost cutting paper!

Now lens of that cloth, paper, background lost it at the bottom of the studio?.

He could be of great value if he knows how to use it.

Creative ways to work with the background of photos

Place it on a new paper to create textures in your background more randomly, has a very interesting effect if applied with creativity.

Use a different color illumination on the background to create a more spatial environment.

And for many times you get sad when your background starts to rips right, well don’t stay, use this to your advantage!

And you can also work the torn of your background purposefully, to create a kind of frame for the subject you are photographing.

Here what is worth is to use the head and send well in the photos, if you do not pity your background papers now just send bullet!

Categorias
Dicas de fotografia Tutoriais

Formas criativas de trabalhar com o fundo das fotos

Se você é fotógrafo de retratos e da moda  grande porcentagem do seu trabalho é feito em um estúdio, e por muitas vezes você pode ficar limitado ao tamanho de seu espaço, e ai entram o que conhecemos como fundo infinito, que muitas vezes são sem graça, tediosos e não adicionam nada ao trabalho.

Ai entram as malandragens do dia a dia de um estúdio de fotografia, e você começa a procurar formas criativas de trabalhar com o fundo das fotos

Formas criativas de trabalhar com o pano de fundo

Criatividade com papel. Você pode ficar o dia todo fotografando com uma pano de fundo branco, preto ou de qualquer outra cor no fim do dia você estará entediado então por que não usar o pano de fundo como elemento de informação em suas fotografias.

Adicione texturas ao seu pano de fundo, corte ele em fatias verticais e o pendure, o fato de ele vir em rolos criar uma espiral natural em cada fatia que for cortada, criando texturas bem bacanas para seu pano de fundo.

Formas criativas de trabalhar com o fundo das fotos

Tudo que você irá precisar é papel para pano de fundo, na cor que escolher, um bom suporte para este papel, estilete ou tesoura e grampos.

Formas criativas de trabalhar com o fundo das fotos

Pendure seu rolo de papel desenrole um pouco e vá cortando na vertical, criando fatias.

Formas criativas de trabalhar com o fundo das fotos

No final você terá algo mais ou menos igual ao da foto acima, lembre-se de deixar as espirais em uma altura que possam sai em suas fotos.

Você pode criar versão de corte vertical diferentes tal qual usar outras cores de pano de fundo. Você se espantará com os resultados!

Use e abuse se sua imaginação e vera que vale cada segundo perdido cortando papel!

Agora lente daquele pano, papel, de fundo perdido la no fundo do estudio?.

Ele pode ser de grande valia se souber como usa-lo.

Formas criativas de trabalhar com o fundo das fotos

Coloque ele sobre um papel novo para criar texturas em seu pano de fundo de forma mais aleatória, tem um efeito muito interessante, se aplicado com criatividade.

Use uma iluminação de cor diferente no fundo para criar um ambiente mais espacial.

E por muitas vezes você fica triste quando o seu pano de fundo começa a rasgas né, bom não fique, use isto a seu favor!

E você também pode trabalhar o rasgado de seu pano de fundo de forma proposital, para criar uma especie de moldura para o assunto que você você estiver fotografando.

Aqui o que vale é usar a cabeça  e mandar bem nas fotos, se você não tiver dó dos seus papeis de fundo agora é só mandar bala!

Categorias
Consejos de fotografía

6 consejos para la fotografía nocturna

En el artículo de hoy daré algunos consejos para la fotografía nocturna. Una puesta de sol gloriosa siempre atraerá a una multitud de fotógrafos. Sin embargo, en el momento en que el sol se pone detrás del horizonte, parece que todo el mundo se desanima y huye.

Lo que no se dan cuenta es lo excepcional que puede llegar a ser la escena al anochecer y temprano en la noche. Las horas después de la puesta del sol son realmente ideales para fotos de paisajes.

Pero, por supuesto, para esto se necesita un poco más de conocimiento para realizar este tipo de trabajo.

Con estos 6 consejos es posible hacer la tan esperada hora dorada más larga y convertir esto en una obra impresionante.

Consejos consejos para la fotografía nocturna

Consejos para fotografía nocturna - Consejos de fotografía - Fotographiko

1 – Cuidado con la composición

Es fácil ser hipnotizado por los colores fuertes del crepúsculo. Sin embargo, el fotógrafo que trabaja para agregar más interés visual eventualmente creará una mejor imagen.

Aproximadamente media hora antes de que el sol comience a buscar sujetos de primer plano para anclar su composición, flores, piedras de árboles siempre son bienvenidos en este momento.

La idea es añadir interés visual todo el camino a través del marco, explorar varias opciones, asegúrese de probar diferentes perspectivas, incluyendo la vista desde el suelo.

Cuenta cada segundo componer por adelantado y esperar a que el mejor momento de luz para disparar.

2 – Usar Live View

En lugar de luchar con el interruptor de enfoque automático a la vista en vivo y el enfoque manual será de gran valor en entornos con poca luz.

Al cambiar al enfoque manual y ampliar la escena en la pantalla LCD, tiene la capacidad de utilizar el máximo cuidado en un microenfoque en lo que es importante en su escena.

Con un aumento de 5x a 10x tienes que confiar mucho en tu visión.

Recuerde que la vista ampliada en su LCD no es representativa de la distancia focal real. Al pulsar el botón disparador, toda la escena se capturará con detalle.

Consejos para fotografía nocturna - Consejos de fotografía - Fotographiko

Con este nivel de precisión encuentro esta característica ideal para la fotografía con poca luz y para tomas nocturnas.

3 – ¿No hay trípode? No hay problema

Es cierto que un buen trípode es el mejor amigo de un fotógrafo de paisajes, especialmente en situaciones de oscuridad cercana.

Sin embargo, hay ocasiones en las que definitivamente tomar uno no es posible. Con un poco de creatividad, todavía se puede crear una sintenisa fotografías. La tecla es ajustar la cámara para que tenga un retraso de 1 o más segundos en el temporizador.

Componga su foto con la cámara apoyada en una piedra o una bolsa y presione el gatillo. El temporizador contará durante unos segundos. Esto es lo suficientemente largo como para eliminar cualquier vibración de la cámara antes de disparar.

Usando esta técnica, todavía puede utilizar velocidades de obturación muy largas incluso sin un trípode.

Consejos para fotografía nocturna - Consejos de fotografía - Fotographiko

4 – Primero la seguridad

Cuando sales a tomar fotos nocturnas todos los botones de la cámara se vuelven bastante difíciles de ver, por lo que una pequeña linterna será de gran valor para este momento.

También puede ser útil si usted está atascado en un sendero o en lugares con un montón de rocas.

Lleve siempre consigo una linterna fácil de manejar y fácil de mantener. Aunque es un artículo opcional que nunca subestima tu linterna, porque un día te salvará.

Consejos para fotografía nocturna - Consejos de fotografía - Fotographiko

5 – Enfriar el balance de blancos

Durante el día es bastante común que todos elijan preajustes de balance de blancos más cálidos. Para las tomas nocturnas, sin embargo, esto hará que la imagen aparezca sobreexpuesta y lo que mejor se adapte a las situaciones con poca luz es un balance de blancos más frío.

Esto le dará una imagen un poco más real y si fotografiado en Raw le permitirá hacer los ajustes necesarios en la posproducción.

Consejos para fotografía nocturna - Consejos de fotografía - Fotographiko

6 – Alójese relativamente lejos

La fotografía nocturna te ofrecerá algunas oportunidades espectaculares, especialmente cuando tenemos la luna llena, y esto puede comprobarlo por adelantado usando aplicaciones en tu smartphone.

En estas condiciones de poca luz, tendrá que tomar algunos pasos especiales para obtener la captura más equilibrada.

En primer lugar, un trípode sólido es esencial para evitar la vibración de la cámara si no es con su uso de algún apoyo. En las montañas los vientos pueden ser fuertes, por lo que optar por un trípode con piernas firmes es esencial

Incluso con la luz de la luna será necesario utilizar una velocidad de obturación más lenta, entre 10 y 15 segundos.

Comience con el siguiente ajuste: ISO 400, Apertura en F/4 y 15 segundos en el obturador. A continuación, ajuste hasta obtener la exposición deseada.

Consejos para fotografía nocturna - Consejos de fotografía - Fotographiko

Estos son solo algunos de los consejos para fotografía nocturna, puede desarrollar una cartera completa solo pensando en la fotografía nocturna, lo cual es realmente genial. Si tiene más consejos para la fotografía nocturna, déjelo aquí en los comentarios. Será muy útil para todos

Categorias
Photography Tips

6 tips for night photography

In today’s article I will give some tips for night photography. A glorious sunset will always attract a crowd of photographers. However, the moment the sun sets behind the horizon, it seems that everyone gets discouraged and runs away.

What they don’t realize is how exceptional the scene can become at dusk and early in the evening. The hours following sunset are really ideal for landscape photos.

But of course for this you need a little more knowledge to perform such work.

With these 6 tips it is possible to make the long-awaited golden hour longer and turn this into an impressive work.

tips for night photography

Tips for night photography - Photography tips - Fotographiko

1 – Beware of composition

It is easy to be mesmerized by the strong colors of twilight. However the photographer who works to add more visual interest will eventually create a better image.

About half an hour before the sun begins to look for foreground subjects to anchor its composition, flowers, tree stones are always welcome at this time.

The idea is to add visual interest all the way through the frame, you explore various options, make sure to try different perspectives including the view from the ground.

Count every second compose in advance and wait for the best moment of light to shoot.

2 – Use Live View

Instead of fighting with auto focus switch to live view and manual focus it will be of great value in low-light environments.

By switching to manual focus and enlarging the scene on the LCD you have the ability to use maximum care in a micro-focus on what is important in your scene.

With an increase of 5x to 10x you have to rely a lot on your vision.

Remember the magnified view on your LCD is not representative of the actual focal length. By pressing the shutter button the entire scene will be captured in sharp detail.

Tips for night photography - Photography tips - Fotographiko

With this level of accuracy I find this feature ideal for low light photography and for night shots.

3 – No tripod? No problem

It is true that a good tripod is the best friend of a landscape photographer, especially in situations of near darkness.

However, there are occasions when definitely taking one is not possible. With a little creativity, you can still create a sharp photographs. The key is to adjust the camera so that it has a delay of 1 or more seconds on the timer.

Compose your photo with the camera resting on a stone or a bag and press the trigger. The timer will count down for a few seconds. This is long enough to eliminate any vibration from the camera before firing.

Using this technique, you can still use very long shutter speeds even without a tripod.

Tips for night photography - Photography tips - Fotographiko

4 – Safety first

When you go out for night shots all the camera buttons become quite difficult to see, and so a small flashlight will be of great value for this moment.

It can also come in handy if you are stuck on a trail or in places with lots of rocks.

Always carry with you an easy-to-handle flashlight and easy to keep. Although it is an optional item never underestimate your flashlight, because one day it will save you.

Tips for night photography - Photography tips - Fotographiko

5 – Cool the White Balance

During the day it is quite common for everyone to choose warmer white balance presets. For night shots, however this will make the image appear overexposed and what best meets situations with little light is a colder white balance.

This will give you a slightly more real image and if you photographed in Raw will allow you to make any necessary adjustments in post production.

Tips for night photography - Photography tips - Fotographiko

6 – Stay relatively far away

Night photography will offer you some spectacular opportunities, especially when we have the moon is full, and this can check this in advance using apps on your smartphone.

In these low light conditions, you will have to take some special steps to get the most balanced capture.

First of all a solid tripod is essential to avoid camera vibration if it is not with your use some support. In the mountains the winds can be strong, so opting for a tripod with firm legs is essential

Even with the moonlight it will be necessary to use a slower shutter speed, between 10 to 15 seconds.

Start with the following setting: ISO 400, Aperture at F/4 and a 15 seconds on shutter. Then adjust until you get the desired exposure.

Tips for night photography - Photography tips - Fotographiko

These are just some of the tips for night photography, you can develop a complete portfolio just thinking about night photography, which is really cool.
If you have some more tips for night photography leave it here in the comments it will be very useful for everyone.

Categorias
Dicas de fotografia

6 dicas para fotografia noturna

No artigo de hoje vou dar algumas dicas para fotografia noturna. Um por do sol glorioso vai sempre atrair uma multidão de fotógrafos. No entanto, o momento em que o sol se põe por trás do horizonte, parece que todos desanimam e saem correndo.

O que eles não percebem é como excepcional a cena pode se tornar no crepúsculo e no início da noite. As horas seguintes ao pôr do sol são realmente ideais para fotos de paisagem.

Mas é claro que para isto você precisa de um pouco mais de conhecimento para executar tal trabalho.

Com estas 6 dicas para fotografia noturna que é possível tornar a tão esperada golden hour mais longa e transformar isto em um trabalho impressionante.

dicas para fotografia noturna

6 dicas para fotografia noturnas

1 – Cuidado com a composição

É fácil de ser hipnotizado pelas cores fortes do crepúsculo. No entanto o fotógrafo que trabalha para adicionar mais interesse visual acabará por criar uma imagem melhor.

Cerca de meia hora antes de o sol se por começa a procurar assuntos de primeiro plano para ancorar sua composição, flores, pedras arvores são sempre bem vindas nesta hora.

A ideia é adicionar o interesse visual todo o caminho através do quadro, você explorar várias opções, certifique-se de experimentar diferentes perspectivas incluindo a vista do chão.

Valera cada segundo compor com antecedência e esperar o melhor momento da luz para fotografar.

2 – Use o  Live View

Ao invés de ficar brigando com o foco automático mude para o live view e foco manual ele será de grande valia em ambientes com pouca iluminação.

Ao mudar para foco manual e ampliando a cena no LCD você tem a capacidade de usar o máximo de cuidado em um micro-foco sobre o que é importante em sua cena.

Com um aumento de 5x a 10x você tem que confiar bastante em sua visão.

Lembre-se a vista ampliada em seu LCD não é representativa da distância focal real. Ao pressionar o botão do obturador toda a cena será capturada em detalhes nítidos.

6 dicas para fotografia noturnas

Com este nível de precisão acho que esse recurso ideal para a fotografia com pouca luz e para fotos noturnas.

3 – Sem tripé? Sem problema

É verdade que um bom tripé é o melhor amigo de um fotógrafo de paisagem, especialmente em situações de quase escuridão.

No entanto, existem ocasiões em que definitivamente levar um não é possível. Com um pouco de criatividade, você ainda pode criar um fotografias nítidas. A chave é ajustar a câmera para que tenha um delay de 1 ou mais segundos no temporizador.

Componha sua foto com a câmera descansando sobre uma pedra ou um saco e pressione o disparador. O temporizador fará a contagem regressiva durante alguns segundos. Este é o tempo suficiente para eliminar qualquer vibração da câmara antes de disparar.

Usando essa técnica, você ainda pode usar velocidades do obturador muito longas, mesmo sem um tripé.

6 dicas para fotografia noturnas

4 – Segurança em primeiro lugar

Quando você sai para fotos noturnas todos os botões da câmera se tornar  bem difíceis de ver, e por isto uma pequena lanterna será de grande valia para este momento.

Ela também pode vir a calhar se você estiver embrenhado em uma trilha ou em lugares com muitas pedras.

Sempre leve com você uma lanterna de fácil manuseio e fácil de guardas. Apesar de ser um item opcional nunca subestime sua lanterna, pois um dia ela vai te salvar.

6 dicas para fotografia noturnas

5 – Esfrie o Balanço de Branco

Durante o dia é bem comum todos escolherem presets de balanço de branco mais quentes. Para fotos noturnas, no entanto isto fará com que a imagem parece superexposta e o que melhor atenda situações com pouco luz é um balanço de branco mais frio.

Isto te proporcionará uma imagem um pouco mais real e se você fotografou em Raw lhe permitirá fazer qualquer ajuste necessário na pós produção.

6 dicas para fotografia noturnas

6 – Se mantenha relativamente longe

Fotografia noturnas irá te oferecer algumas oportunidades espetaculares, especialmente quando temos a lua está cheia, e isto pode verificar isso com antecedência usando aplicativos no seu smartphone.

Nestas condições de pouca luz, você terá que tomar algumas medidas especiais para obter a captura mais equilibrada.

Em primeiro lugar um tripé sólido é essencial para evitar a vibração da câmera, caso não esteja com o seu use algum apoio. Nas montanhas os ventos podem ser fortes, por isto optar por um tripé com pernas firmes é essencial

Mesmo com a luz da lua será necessário usar uma velocidade de obturador mais lenta, entre 10 a 15 segundos.

Comece com os seguintes ajuste: ISO 400, Abertura em F /4 e uns 15 segundos no obturador. Depois vá ajustando até conseguir a exposição desejada.

6 dicas para fotografia noturnas

Estas são apenas algumas das dicas para fotografia noturna, você pode desenvolver um portifolio completo apenas pensando em fotografia noturna, o que é muito legal.
Se você tiver mais algumas dicas para fotografia noturna deixe aqui nos comentarios será muito util para todos.

Categorias
Cámaras y lentes

Sigma 35mm f/1.4 Art

Cuando se trata de lentes hechas por terceros, ¿te sientes un poco escéptico? Siempre me quedo también, eligiendo la mejor inversión en equipos, en mi caso Nikon, pero todo el mundo debe pasar por esto buscando la mejor manera de obtener el mejor equipo de la marca sin sacrificar el bolsillo.

Pero cuando abres la mente un poco puedes encontrarte con algunas buenas sorpresas como el Sigma 35mm f/1.4 Art.

Lanzada en 2012 como la primera incorporación en la categoría ART de la compañía, esta lente debuta en un mercado donde Canon, Nikon y Sony tienen docenas de opciones para todos los gustos, y la gran ventaja de Sigma es que pone su mano en su bolsillo , que es probablemente uno de los mejores de sus atributos.

Sigma 35mm f / 1.4 carbohidratos

Esta lente sigma 35mm prime cuenta con un motor de enfoque HSM (Motor Hipersónico) que es muy silencioso. Tiene una apertura máxima de f/16 y mínima de f /1.4, es una lente muy clara, ideal para trabajar en entornos con baja iluminación, además de tener una distancia focal mínima de 0,3 metros. Una de las cosas que no tiene, pero tampoco se le echará mucho de menos, es un estabilizador de imagen.

Una de las grandes ventajas de una lente de terceros es el hecho de que se venden con montaje a las marcas más grandes del mercado, por lo que si usted es propietario de una Nikon, Sony, Canon o Pentax se puede aprovechar de esta belleza.

Esta lente, para la versión Nikon, cuesta cerdas de $899.00 nuevas, es que puede ser una suma de comparación de ganga con la propia versión Nikon que cuesta alrededor de $1300.00.

Sigma Pros 35mm f/1.4

En el lado técnico de la cosa esta lente también tiene un rendimiento impresionante. Incluso cuando se toma a f/1.4 es capaz de entregar imágenes con muy buena nitidez.

La velocidad de enfoque automático del Sigma 35 f/1.4 es bastante rápida, incluso en lo que respecta al movimiento del sujeto.

Sigma 35mm f/1.4 Arte

Sigma 35mm f/1.4 cons

Aunque tiene una gran construcción y le permiten hacer grandes capturas la construcción de la Sigma 35mm f / 1.4 deja el deseado, porque la mayor parte de esta belleza está hecha de plástico, en comparación con las versiones de Canon o Nikon que dividen muy bien la cantidad de plástico y metal en sus construcciones, esto es una gran desventaja especialmente a largo plazo, porque el plástico se deteriorará mucho más rápido.

Otra desventaja en comparación con sus competidores como es que incluso al estar hecho de plástico el Sigma es más pesado, lo que puede dificultar algunos, pesa unos 700 kg mientras que sus primos ricos unos 600 kg, al final del día estos 100 kg más pueden marcar la diferencia.

Sigma 35mm f/1.4 Arte

Conclusión

Las lentes de 35mm son las lentes del fotoperiodismo, una lente que tendrá que soportar todo tipo de trabajo, y pensando en ello el Sigma 35mm f / 1.4, cumple su papel hasta cierto punto, porque la construcción plástica puede poner todo a perder.

Tal vez invertir en una Sigma 35mm f/1.4 Art para Canon o Nikon posa ser una mejor oferta en el largo plazo, también debido a la calidad de construcción. Pero si usted es una persona cuidadosa con su equipo y tiene el presupuesto ajustado sigma es una buena opción, principalmente por su calidad de imagen.

Categorias
Cameras and lenses

Review Sigma 35mm f/1.4 Art

When it comes to lenses made by third parties do you feel a little skeptical? I always stay too, choosing the best investment in equipment, in my case Nikon, but everyone should go through this looking for the best way to get the best equipment of the brand without sacrificing the pocket.

But when you open the mind a little you may come across some good surprises like the Sigma 35mm f/1.4 Art.

Launched in 2012 as the first addition in the company’s ART category this lens debuts in a market where Canon, Nikon and Sony have dozens of options for all tastes, and sigma’s big advantage is that it puts its hand in your pocket , which is probably one of the best of its attributes.

Review Sigma 35mm f/1.4 Art

This sigma 35mm prime lens features an HSM (Hypersonic Motor) focus motor that is very quiet. It has a maximum aperture of f / 16 and minimum of f /1.4, it is a very clear lens, great for working in environments with low illumination, besides having a minimum focal distance of 0.3 meters. One of the things he doesn’t have, but he won’t be missed much either, is an image stabilizer.

One of the great advantages of a third-party lens is the fact that they are sold with mounting to the biggest brands on the market, so if you own a Nikon, Sony, Canon or Pentax you can take advantage of this beauty.

This lens, for Nikon version, costs bristle of $899.00 new, is that it can be a bargain compare sum with the Nikon version itself that costs around $1300.00.

Sigma Pros 35mm f/1.4

On the technical side of the thing this lens also has impressive performance. Even when shooting at f/1.4 it is able to deliver images with very good sharpness.

The autofocus speed of the Sigma 35 f/1.4 is fairly fast, even as far as the subject is moving.

Sigma 35mm f/1.4 Art

Sigma 35mm f/1.4 cons

Although it has great construction and allow you to make great catches the construction of the Sigma 35mm f / 1.4 leaves the desired, because most of this beauty is made of plastic, when compared to the versions of Canon or Nikon that divide very well the amount of plastic and metal in their constructions, this is a big disadvantage especially in the long run, because the plastic will deteriorate much faster.

Another disadvantage compared to its competitors as is that even being made of plastic the Sigma is heavier, which can hinder some, it weighs about 700 kg while its rich cousins about 600 kg, at the end of the day these 100 kg more can make a difference.

Sigma 35mm f/1.4 Art

Conclusion

The 35mm lenses are the lenses of photojournalism, a lens that will have to endure all kinds of work, and thinking about it the Sigma 35mm f / 1.4, fulfills its role to a certain point, because plastic construction can put everything to lose.

Maybe investing in a Sigma 35mm f/1.4 Art lens for Canon or Nikon can be a better deal in the long run, also due to the build quality. But if you are a careful person with your equipment and have the tight budget sigma is a good option, mainly for its image quality.

Categorias
Câmeras e lentes

Sigma 35mm f / 1.4 Art

Quando se trata de lentes feitas por terceiros você se sente um pouco cético? Sempre fico também, escolhendo o melhor investimento em equipamento, no meu caso Nikon, mas todos devem passar por isto procurando o melhor jeito de obter o melhor equipamento da marca sem sacrificar o bolso.

Mas quando você abre um pouco a mente você pode se deparar com algumas boas surpresas como por exemplo a Sigma 35mm f / 1.4 Art.

Lançada em 2012 como a primeira adição na categoria ART da empresa esta lente estreio em um mercado onde Canon, Nikon e Sony tem dezenas de opções para todos os gostos, e a grande vantagem da Sigma esta no quanto ela mete a mão no seu bolso, que provavelmente é um dos melhores de seus atributos.

Caracteriscas da Sigma 35mm f / 1.4

Esta lente prime de 35mm da sigma conta com motor de foco HSM (Hypersonic Motor) que é bem silencioso. Tem abertura máxima de f / 16 e minima de f /1.4, é uma lente bem clara, ótima para trabalhar em ambientes com pouca iluminação, além de ter distancia focal mínima de 0,3 metros. Uma das coisas que ele não tem, mas também não fará muita falta, é um estabilizador de imagem.

Umas das grandes vantagens de uma lente de terceiros é o fatos deles serem vendidas com montagem para as maiores marcas do mercado, assim, se você é dono de uma Nikon, Sony, Canon ou Pentax poderá tirar proveito desta belezinha.

Esta lente, para versão Nikon, custa cerda de U$899,00 nova, é que pode ser uma pechincha compara com a versão da própria Nikon que custa em torno de  U$1300,00.

Prós da Sigma 35mm f / 1.4

No lado técnico da coisa esta lente também tem um desempenho impressionante. Mesmo quando fotografando em f /1.4 ela é capaz de entregar imagens com uma nitidez muito boa.

A velocidade do foco automático da Sigma 35 f / 1.4 é bastante rápido, mesmo quanto o assunto esta em movimento.

Sigma 35mm f / 1.4 Art

Contras da Sigma 35mm f / 1.4

Apesar de ter ótima construção e te permitir fazer ótimas capturas a construção da Sigma 35mm f / 1.4 deixa a desejas, pois a maior parte desta belezinha é feita de plástico, quando comparado com as versões da Canon ou Nikon que dividem muito bem a quantidade de plástico e metal em suas construções, isto é uma grande desvantagem principalmente a longo prazo, pois o plástico ira deteriorar-se muito mais rápido.

Outra desvantagem em relação a suas concorrentes as é que mesmo sendo feita de plástico a Sigma é mais pesada, o que pode atrapalhar alguns, ele pesa cerca de 700 kg enquanto suas primas ricas cerca de 600 kg, no fim do dias estas 100 kg a mais podem fazer diferença.

Sigma 35mm f / 1.4 Art

Conclusão

As lentes de 35mm são as lentes do fotojornalismo, uma lente que vai ter que aguentar todo tipo de trabalho, e pensando nisto a Sigma 35mm f / 1.4, cumpre seu papel até determinado ponto, pois a construção plástica pode por tudo a perder.

Talvez investir em uma lente 35mm da Canon ou Nikon posa ser uma melhor negocio a longo prazo, também devido a qualidade de construção. Mas se você é uma pessoa cuidadosa com seu equipamento e tem o orçamento apertado a Sigma é um boa opção, principalmente pela sua qualidade de imagem.